Presidente da GM deixa cargo

Depois de oito meses atuando na reestruturação da montadora, Fritz Henderson anuncia sua saída do posto.

Após 8 meses na liderança da reestruturação da empresa, Fritz deixa o cargo.

Após 8 meses na liderança da reestruturação da empresa, Fritz deixa o cargo.

Oito meses depois de ter assumido o posto, o presidente-executivo da General Motors, Fritz Henderson, anunciou a sua saída do cargo nessa última terça-feira, 1º de dezembro. De acordo com a declaração concedida pelo executivo,o seu desligamento fez-se necessário para que a companhia desse continuidade ao seu plano de reestruturação. A General Motors saiu oficialmente da concordata em meados deste ano.

Henderson havia assumido o comando da montadora para substituir o antigo presidente Rick Wagoner, que renunciou ao cargo em março deste ano por conta das pressões da Casa Branca para que a companhia desse início ao seu plano de reestruturação. Tendo atuando no comando das decisões da GM durante todo o processo da crise, que culminou com a venda de 60% do capital da montadora para o governo norte-americano, o presidente declarou, em entrevista coletiva, que já havia cumprido a sua função e que, a partir de agora, não teria mais razões para continuar no cargo.

Para assumir o posto deixado por ele, a GM escalou interinamente o nome de Edward Whitacre, que ocupa o cargo de presidente do conselho de administração.

Anúncios

Comentários desativados em Presidente da GM deixa cargo

Arquivado em Economia, Marketing

Os comentários estão desativados.